RMEG-FJP  Curso de Administração Pública (CSAP)  XVII CSAP  XVII CSAP - Monografias 

Utilize o seguinte identificador para referenciar este item:
http://monografias.fjp.mg.gov.br/handle/123456789/1859

Título: Estruturas organizacionais inovadoras na gestão pública: o caso do projeto estruturador centro da juventude de Minas Gerais - PLUG Minas
Autor: Alves, Laís Fonseca
Orientador: Silveira, Mauro César da
Membros da banca: Rocha, Elisa Maria Pinto da
Rossi, Maria de Fátima Pereira
Instituição: Fundação João Pinheiro
Departamento: Escola de Governo Professor Paulo Neves de Carvalho
Programa: CSAP XVII/2009
Data: 27-Out-2009
Palavras-Chave: Gestão Pública
Estruturas organizacionais
Parceria
Gestão em redes
Resumo: Este trabalho teve como objeto de estudo as estruturas organizacionais que permeiam o modelo de gestão do Projeto Estruturador Centro da Juventude de Minas Gerais- Plug Minas. O Plug Minas é um Centro de Formação e Experimentação Digital, uma política pública desenhada para a juventude, no âmbito da área de resultados do Governo mineiro denominada Protagonismo Juvenil, que visa uma intervenção intersetorial para execução dessa política. O desenho do modelo de gestão do projeto utiliza a contratualização de resultados com uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público – OSCIP somado a um conjunto de parcerias com a iniciativa privada e organizações não governamentais, no intuito de implementar essa política pública. A análise empreendida busca investigar se as características do modelo são compatíveis com a teoria de implementação de políticas públicas em rede, elencando as principais variáveis teóricas e sua aplicação no modelo formulado. Destaca-se também o modelo gerencial e o modelo de parceria com OSCIPs adotado pelo Governo de Minas Gerais e as opções que levaram a escolha desse modelo de gestão para o projeto. Constatou-se que o desenho organizacional de gestão do Plug Minas é considerado inovador se comparado com as demais parcerias realizadas no Estado, devido, principalmente, ao papel autônomo dado aos membros e a interdependência dos mesmos para a viabilidade da política, sendo, portanto, um exemplo de gestão em rede para implementação de uma política pública.
Aparece na(s) coleção(ções):XVII CSAP - Monografias

Arquivos deste item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
Estruturas organizacionais inovadoras na gestão pública.pdf1,02 MBAdobe PDFVer/Abrir
Visualizar estatísticas

Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.