RMEG-FJP  Curso de Administração Pública (CSAP)  XXXI CSAP  XXXI CSAP - Monografias 

Utilize o seguinte identificador para referenciar este item:
http://monografias.fjp.mg.gov.br/handle/123456789/2256

Título: Maximização do orçamento à luz da teoria da escolha pública: uma análise do estado de Minas Gerais
Autor: Cheib, Arthur Silva
Orientador: Carneiro, Ricardo
Ferreira Júnior, Sílvio
Membros da banca: Queiroz, Alexandre
Nível: Graduação
Instituição: Fundação João Pinheiro
Departamento: Escola de Governo Professor Paulo Neves de Carvalho
Programa: CSAP XXXI/2016
Data: 2016
Keywords: Budget Maximization
Bureaucracy
Budget
Public choice
Palavras-Chave: Maximização Orçamentária
Burocracia
Orçamento
Escolha Pública
Resumo: Essa monografia buscar verificar a validade da hipótese desenvolvida por William A. Niskanen, acerca da maximização do orçamento, para o caso do Estado de Minas Gerais. Para isso, apresenta-se o caminho metodológico percorrido ao longo do estudo, bem como se procura relacionar, o modelo da hipótese com o caso estudado. Apresentam-se os fundamentos da Teoria da Escolha Pùblica, por ser o corpo teórico que embasa a hipótese sob análise. As perspectivas do Orçamento Público a nível nacional e estadual são trazidas para situar o caso estudado em um cenário macro e então verificar sua compatibilidade com o modelo inicial da hipótese. Para subsidiar a análise são feitas entrevistas com gestores, técnicos e consultores das diferentes esferas do Poder Executivo e Legislativo, todas elas são analisadas sob a ótica do referencial teórico desenvolvido por Niskanen. As considerações finais deste trabalho dizem respeito à percepção comum dos gestores a respeito da maximização do orçamento pelos burocratas, bem como à apresentação de uma crítica feita à hipótese Niskaneniana.
Abstract: This research sights to verify the validity of the hypothesis developed by William A. Niskanen, about the maximization of the budget, in the case of the State of Minas Gerais. For this, the methodological path covered throughout the study is presented, as well as trying to relate the hypothesis model with the studied case. The fundamentals of the Public Choice are presented, for being the theoretical body that bases the hypothesis under analysis. The perspectives of the Public Budget at national and state level are brought to set the case studied in a macro scenario and then verify its compatibility with the initial hypothesis model. To support the analysis, interviews are conducted with managers, technicians and consultants from different spheres of the Executive and Legislative Branch, all of which are analyzed from the perspective of the theoretical framework developed by Niskanen. The final considerations of this work concern the managers' common perception of budget maximization by bureaucrats as well as a criticism of the Niskanen’s hypothesis.
Aparece na(s) coleção(ções):XXXI CSAP - Monografias

Arquivos deste item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
Maximização do orçamento à luz da teoria da escolha pública.pdf1,18 MBAdobe PDFVer/Abrir
Visualizar estatísticas

Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.